Novo sistema de proteção e controle da Rede Elétrica da Espanha

14 Oct 2020
O novo sistema de proteção e controle com multifuncionalidade melhora a disponibilidade, operação, exploração e manutenção do sistema elétrico nacional, gerenciado pela REE - Rede Elétrica da Espanha. A Arteche é a primeira empresa a implantar esta nova solução, sendo que as primeiras instalações são realizadas nas ilhas de Maiorca e Minorca que, graças aos cabos submarinos entre a Península e as ilhas Baleares e entre Maiorca e Minorca, deixam de ser ilhas, do ponto de vista elétrico.

Garantir a estabilidade de um sistema elétrico insular era muito complexo pela dificuldade de contar com o apoio de sistemas associados. No entanto, após o comissionamento da primeira interconexão entre Maiorca e a península ibérica, foi reforçada notavelmente a garantia de fornecimento em Maiorca e o das ilhas de Ibiza e Formentera, unidas também por cabos submarinos com Maiorca. Finalmente, a construção da interconexão de Maiorca com Menorca permitiu a integração de todas as ilhas em um único sistema das ilhas Baleares.

Com o objetivo de melhorar o seu sistema, a REE estabeleceu então uma nova estratégia de proteção, definida pela "multifuncionalidade", que reduz o equipamento por posição, ao mesmo tempo que incorpora vantagens para a operação e manutenção do sistema elétrico.

Conexão entre a Península e Maiorca

O projeto era muito complexo, tanto pela colocação do cabo submarino, um dos mais longos e profundos do mundo, quanto pela sua tecnologia, já que a conexão foi feita com corrente contínua.

O complexo sistema de controle das subestações DC e AC entre a península e Maiorca foi realizado com sucesso pela Arteche e desde 2012 o sistema está em serviço, garantindo a estabilidade e a qualidade do abastecimento elétrico da ilha.

 

REE baleares
Conexão entre Maiorca e Minorca

Depois de completar a interconexão entre a Península e Maiorca, com a qual se reforça o abastecimento do arquipélago, o próximo passo era garantir o abastecimento entre as duas ilhas.

A conexão é composta por um cabo terrestre-submarino tripolar de 132 kV, 2.300 toneladas. O percurso subaquático é de 41,7 km, com uma profundidade máxima de 8 metros, e o percurso terrestre, que é subterrâneo, totaliza mais de 13 km entre as duas ilhas.

Novo sistema de proteção e controle

Tradicionalmente, a REE tinha um sistema de proteção em cada posição que consistia em três proteções: primária, secundária e falha do disjuntor. Além disso, cada posição tinha um equipamento multiconversor para capturar as medidas da operação.

Visando reduzir a fiação de campo, todos os equipamentos de proteção e medição se comunicam com os equipamentos de controle de posição, onde a Arteche é uma clara referência na REE, com mais de 2.000 equipamentos instalados em mais de 270 subestações.

A nova solução reduz o número de proteções de três para dois e elimina os equipamentos de medição cuja função é integrada de forma redundante nos dois equipamentos de proteção. As duas proteções são espelhadas para que tenham as mesmas funções e configurações de proteção.

Esta nova arquitetura permite a manutenção de uma das proteções de posição, sem a necessidade de solicitar uma liberação na linha, o que facilita significativamente a manutenção do sistema ao mesmo tempo em que melhora sua confiabilidade. Isto implica que o sistema de controle projetado pela Arteche deve gerenciar a captura dos dois equipamentos com a mesma informação e de forma redundante, tanto no nível da sinalização digital como no nível da medição da posição.

Este novo sistema permite melhorar a disponibilidade do sistema elétrico, facilitando simultaneamente a operação, manutenção e exploração do sistema elétrico nacional.

A Arteche é o primeiro fornecedor da REE a desenvolver e implementar com sucesso a nova arquitetura de proteção com esta multifuncionalidade.

Estes trabalhos foram realizados em pleno período de confinamento do país pela COVID-19, o que complicou a obtenção de autorizações de trabalho, assim como toda a logística relativa a viagens e de comissionamento.

 

 

Novo sistema de proteção e controle da Rede Elétrica da Espanha